Destinos (im)prováveis: um estudo sobre alunos beneficiários de política de ação afirmativa egressos do Serviço Social

Tânia Horsth Noronha Jardim

Resumo


O objetivo desse trabalho é apresentar o perfil e a trajetória pessoal e profissional do aluno egresso de Serviço Social, beneficiário de política de ação afirmativa de uma universidade comunitária da Zona Sul do Rio de Janeiro, matriculado entre os anos de 2000 a 2010. Para tanto, realizou-se uma pesquisa descritiva, de natureza quanti-qualitativa. Ao final, concluímos que indivíduos das classes populares, a partir do acesso ao ensino superior, podem romper com um ciclo perverso de exclusão e transformar sua trajetória de vida, tornando-se “personalidades emblemáticas” para sua família e comunidade de origem e exemplos concretos de mobilidade social.


Palavras-chave


Política de ação afirmativa; ensino superior; desigualdade na educação; mobilidade social.

Texto completo:

PDF