O Plano Brasil sem Miséria e o combate à pobreza no Município de Guarapuava – PR

Sônia Mari Ramos, Angela Maria Moura Costa Prates

Resumo


Este artigo tem como objetivo investigar o conceito de pobreza que possuem os trabalhadores que atuam no Plano Brasil Sem Miséria no município de Guarapuava-PR. Por meio de revisão bibliográfica procura-se uma aproximação conceitual entre os conceitos de pobreza e desigualdade social, ambos presente no cenário brasileiro. E a partir da análise das entrevistas abertas e semi-estruturadas, desvelar o conhecimento que os trabalhadores possuem sobre essas categorias e sobre a política pública em que atuam, e as maneiras para se chegar a um melhor entendimento através da capacitação profissional. Assim, conclui-se que a origem, legitimidade e manutenção do fenômeno da pobreza precisa ser discutido e que as formas de enfrentamento precisam ser aprimoradas. E os profissionais que trabalham com as políticas de enfrentamento à pobreza precisam ser capacitados de forma continuada a fim de pôr em prática seus conhecimentos para articular as políticas públicas em prol do acesso dos usuários aos seus direitos.


Palavras-chave


Desigualdade social; pobreza; Plano Brasil sem Miséria.

Texto completo:

PDF